22 julho 2015

Fazendo Meu Filme 2 - Fani na Terra da Rainha - Paula Pimenta



Livro: Fazendo Meu Filme 2 - Fani na Terra da Rainha  
Série: Fazendo Meu Filme #2
Autor: Paula Pimenta
Editora: Gutenberg
Páginas: 328  
O segundo volume do livro Fazendo meu filme apresenta as aventuras de Estefânia Castelino Belluz na terra da rainha. Sim, na Inglaterra! Longe do grande amor, ela passa por momentos de alegria, dor, saudade, tristeza e, mais do que isso, pode conhecer melhor a si mesma. Sem deixar de lado suas amigas inseparáveis e sua família, ela consegue, no outro continente, viver momentos cheios de suspense, revelações, aventuras, descobertas e emoções fortíssimas! Feliz, triste, preocupada, ansiosa, temerosa, otimista, insegura, cheia de si, apaixonada, desiludida, seja como estiver, Fani mostra a cada página deste livro que não é mais aquela menina tão frágil que muitas vezes se escondia por trás de sua timidez.

                       

Minhas considerações...

Não sei se eu fui com muita sede ao pote, ou se eu tava muito empolgada com o primeiro livro e por isso acabei me decepcionando um pouquinho,enfim, só sei que não fiquei tão empolgada e envolvida com a leitura desse livro como fiquei com o primeiro.
A Fani começou a deixar os meninos na "friendzone", ficar naquela indecisão de se mesmo gostando do Leo deve ficar com outro menino porque aparentemente o Leo já estava em outra, e talvez seja isso que tenha me irritado um pouco.
A história também me pareceu mais previsível do que a do primeiro livro.

Os prontos positivos são: a Fani compartilhando suas experiências de intercâmbio na Inglaterra, o fato dela estar distante de casa e de seus amigos a comunicação se dá mais através de emails e eu achei muito interessante como a autora insere esses emails/conversas na história, a diagramação continua a mesma e a escrita da autora também continua simples ao mesmo tempo que é bem elaborada, e a capa continua fofa como todas as capas da série. 



Citações favoritas...
Ah, ninguém vai gostar de mim por aqui...eu sou muito chata. Acho que minha vida é um roteiro mal escrito, não tenho a menor vocação para protagonista, sou aquela coadjuvante que fica lá atrás, praticamente escondida atrás do cenário...
Avaliação



Nenhum comentário:

Postar um comentário